COVARDE | Presidente Nacional do Pros está sendo procurado pela Polícia Civil de Goiás após agredir a filha

O Partido Republicano da Ordem Social (Pros) está sempre em evidência por causa das peripécias e presepadas de seus filiados. Dessa vez, o protagonista da polêmica é seu próprio presidente nacional, Eurípedes Júnior. Na quarta-feira (08), a filha do dirigente, Rebecca Macedo, registrou um boletim de ocorrência na Delegacia Especializada ao Atendimento à Mulher de Planaltina de Goiás, acusando o pai de agredi-la (confira a cópia do BO abaixo).

De acordo com o boletim, Rebecca relata que Eurípedes após se separar de sua mãe em 2017 passou a ter uma relação conturbada tanto com a ex-esposa quanto com a própria filha acusando-a de ter ficado do lado da genitora. Ainda conforme o BO, Eurípedes e a filha ficaram 1 ano sem se falar, ele deixou de pagar a faculdade da moça e ainda a demitiu de seu trabalho. O Pros é um partido conhecido por ter a administração gerida por familiares de Eurípedes.

Rebecca Macedo relatou aos policiais que o pai havia ligado pedindo que ela fosse em seu escritório em Planaltina de Goiás. Chegando lá, Eurípedes Júnior, disse a ela que precisava de seu carro e que para isso iria pagar a quantia de R$ 15 mil. A jovem não concordou e foi para o carro com a intenção de ir embora. Entretanto, ela não contava que o pai fosse atrás dela e a retirasse do veículo com tapas, chutes e pontapés conforme consta no boletim. A moça apenas ficou com o celular e o carregador que o pai jogou no chão após se apossar das chaves do carro.

O relatório médico, assinado pela Drª Monique Melo, confirma a agressão e atesta as lesões no corpo de Rebecca como marca de dentes e edema no quadril. De acordo com o site Metrópoles, a polícia de Goiás informou que Eurípedes Júnior está foragido e será enquadrado pela Lei Maria da Penha. Em nota encaminhada ao site, a defesa de Eurípedes Júnior nega que ele esteja foragido e credita a denúncia a adversários políticos. Os advogados classificaram o episódio como “um lamentável incidente familiar”.

Quem é Eurípedes Júnior?

Presidente do Pros, Eurípedes Júnior é acusado de participar de fraudes nas eleições de 2018 e por cometer crimes de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e ocultação de patrimônio. Eurípedes Júnior também é acusado de ter adquirido um helicóptero por meio de recursos públicos do partido em 2015.

Sobre o Pros

O partido foi fundado em 2010 e seu número é 90. Atualmente, o Pros possui três senadores: Fernando Collor (AL), Telmário Mota (RR) e Zenaide Maia (RN). Na Câmara, o partido tem 10 representantes. Aqui no Distrito Federal, o Pros tem entre seus filiados o distrital Delegado Fernando Fernandes, a administradora de Arniqueira, Telma Rufino, o ex-senador Hélio José e ex-distrital e candidata ao GDF em 2018, Eliana Pedrosa.

Da Redação do Expressão Brasiliense com informações do site Metrópoles

expressaobrasiliense

Read Previous

PELA INTERNET | GDF anuncia que boletos do IPVA 2020 não serão enviados pelos Correios

Read Next

COMBATE À DENGUE | Secretaria de Saúde do DF distribui material informativo as diretorias regionais de Vigilância Ambiental

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.