Multi-instrumentista levará seu espetáculo Debandando nas Feiras para as regiões administrativas do DF

Gaita de fole, tambores, naipe de apitos, agogôs, tamborim, reco-reco, claves de madeira e outros instrumentos formam uma máquina instrumental. Uma verdadeira parafernália de cultura. Vestindo o enorme aparelho, encontra-se Debanda, que interpreta diversos personagens ao som de seus 23 instrumentos e apetrechos acoplados a seu corpo. O intérprete é o artista e multi-instrumentista César Lignelli.

Radicado em Brasília, o ator e compositor inova pelas ruas da capital federal, do Brasil e do mundo afora com um espetáculo cantado que envolve um possível triângulo amoroso. E ele chega como uma espécie de menestrel e bobo da corte em seu motorhome (trailer com todos os equipamentos necessários para o espetáculo).  Agora, o artista terá aval para passar por feiras das regiões administrativas do Distrito Federal e pela Torre de TV de Brasília (Eixo Monumental) com o projeto Debandando nas Feiras. No total, serão oito regiões alcançadas pela iniciativa que terá início no dia 9 de junho, domingo, às 11h, na Feira Modelo de Sobradinho (Quadra Central – Sobradinho). O espetáculo é gratuito e livre para todos os públicos.

“Debanda parece uma espécie de andarilho acumulador que, por ora, concentra características turvas em meio à sua translucidez. Acumula memórias. Não se sabe exatamente de onde vem e nem a que tempo pertence”, explica Lignelli.

As intervenções do artista começaram há quatro anos com a criação da máquina instrumental. O desenvolvimento da mesma e do espetáculo contaram com as parcerias estabelecidas com o compositor português João Lucas, Sulian Vieira, Gil Roberto, Cyntia Carla, dentre outros. “Afinal, a produção apresenta desafios imensuráveis no diálogo entre as possibilidades corporais do ator, a manipulação dos inúmeros instrumentos, o cantar e o contar uma história com distintos personagens. Sem essas parcerias não seria possível realizar o projeto”, coloca, feliz.

Debandando

Debandando nas Feiras é uma performance teatral que fala de amor, música, conquista e perda com um toque de drama, mas sem perder o humor. Na performance, os personagens interpretados por César e por Estela Vieira Lignelli, que intervém na trama, interagem com a plateia por meio de diálogos e da contação de histórias, que é toda cantada e tocada a partir da presença de um narrador, o chamado Debanda, e sua filha Debandinha. Além deles, as personagens nomeadas de Demais, Demenos e Ella também ganham vida. As variações entre as personas se dão pelo timbre das vozes, pela movimentação e pelos instrumentos utilizados para enriquecer a cena.

E no desenrolar da trama, o público apreciará cerca de 10 músicas compostas por Lignelli e pelo compositor João Lucas. Após Sobradinho, o espetáculo passará pelo Guará, Samambaia, Núcleo Bandeirante, Taguatinga, Cruzeiro, São Sebastião e Plano Piloto (Torre de TV).

Sobre o espetáculo

O espetáculo é fruto de um projeto de pesquisa desenvolvido na Universidade de Brasília coordenado por Lignelli. Trata-se de desdobramentos estéticos-pedagógicos, envolvendo desde o desenvolvimento da máquina e a prática intensa com vários instrumentos musicais a fim de conseguir tocá-los e ainda cantar, dançar, interpretar e, por fim, viajar em um trailer olhando no olho de quem encontra, envolto em saberes musicais, teatrais, circenses e de dança transformados e reinventados no percurso de vida do ator-músico.

Um destes percursos levou a performance Debanda a uma viagem de 55 dias no próprio motorhome do artista pelo Brasil (estados de GO e MS), Paraguai, Argentina, Uruguai, Chile e Peru. Por estes locais, foram realizadas 33 intervenções performáticas em praças, parques, escolas, ruas públicas, oficinas e igrejas durante o ano de 2018.

O motorhome, além de transportar os integrantes e o espetáculo, também funciona como delimitador do espaço da cena, elemento cenográfico e urdimento em que são fixados os refletores em apresentações noturnas.

Confira agenda de apresentações do Debandando nas Feiras:

Feira de Sobradinho – 9 de junho;
Feira do Guará – 16 de junho ;
Feira do Cruzeiro – 23 de junho;
Feira do Núcleo Bandeirante – 30 de junho;
Feira de Taguatinga – 7 de julho;
Feira da Torre (Plano Piloto) – 14 de julho;
Feira de Samambaia – 21 de julho;
Feira de São Sebastião – 28 de julho

Serviço
Debandando Nas Feiras
Data: 9 de junho, domingo
Local: Feira de Sobradinho (Quadra Central – Sobradinho)
Horário: 11h
Entrada gratuita
Livre para todos os públicos
Informações: 
https://www.facebook.com/espetaculodebanda/

Matéria de Divulgação

expressaobrasiliense

Read Previous

Água desperdiçada no Brasil equivale a quase sete sistemas cantareiras

Read Next

500 profissionais reforçam saúde do DF

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.