• 24 de abril de 2024

Moro irá ao Fórum Mundial com Bolsonaro para apresentar um Brasil que combate à corrupção

Desde quando passou a ser um dos ícones brasileiros no combate à corrupção, o ex-juiz federal, Sérgio Moro, ganhou notoriedade a nível mundial. O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), levará o seu superministro para o Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça, na próxima semana. O capitão-presidente já está sendo considerado a grande estrela do encontro que reúne as 20 maiores economias do mundo, já que Trump anunciou que não estará presente.

São esperadas mais de 250 autoridades para debater o tema “Globalização 4.0: Moldando uma arquitetura global na era da quarta revolução industrial”. Bolsonaro irá fazer um pronunciamento durante o Fórum.

Apesar de todo o protagonismo de Jair Bolsonaro, caberá ao juiz da Lava Jato, como ficou conhecido o ministro Sérgio Moro, mostrar que o país está sendo passado a limpo e que a corrupção já já estará num passado bem distante da história. O Brasil passou por momentos turbulentos na sua política e os investidores abandonaram o barco tupiniquim com medo de um naufrágio coletivo. Com isso, a nota brasileira para investimentos e confiabilidade no mercado ia cada vez mais caindo.

Moro falará no fórum sobre as três prioridades da gestão dele à frente do ministério: combate à corrupção, ao crime organizado e aos crimes de violência. A presença do ministro em Davos faz parte da estratégia do governo de melhorar a imagem do país no exterior. Ou seja, caberá a Sérgio Moro apresentar um Brasil novo e poderá até roubar a cena no lugar de Bolsonaro.

Será se vamos conseguir passar a imagem que não somos “o país da corrupção”? Vamos acompanhar.

Da Redação

Foto: Google Imagens

Expressão Brasiliense

Read Previous

Venezuela à beira de uma guerra civil

Read Next

Celular 5G, internet das coisas e robôs contra a solidão: a tecnologia em 2019