• 24 de fevereiro de 2024

JUNTOS POR GOIÁS | “O MDB me deu o maior presente que eu queria”, diz Caiado ao comemorar a aliança com o partido

Por José Fernando Vilela

Às vésperas de completar 72 anos, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, do DEM, não poderia ter recebido um presente melhor para comemorar seu aniversário: a consolidação da aliança com o MDB. Nesta sexta (24), no Parque de Exposições de Goiânia, o partido fez um evento público para selar a parceria com Caiado.

O encontro organizado pelos emedebistas, sob o comando do seu presidente estadual, o ex-deputado Daniel Vilela, reuniu deputados, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, presidentes dos diretórios municipais e outras lideranças da legenda que foram ao local referendar a aliança firmada entre Caiado e o partido.

Durante mais de duas horas, os principais líderes do MDB goiano discursaram e reforçaram a decisão do partido em querer marchar com Ronaldo Caiado em 2022. Além dos emedebistas, dirigentes de outras legendas participaram do evento como os deputados Delegado Waldir, presidente do PSL-GO, e Célio Silveira, que é do PSDB, partido do ex-governador Marconi Perillo, e declarou publicamente o seu apoio ao governo Caiado.

Em todos os discursos proferidos, a forma de governar e trabalhar de Ronaldo Caiado teve destaque. Em deles, um prefeito afirmou: – o senhor realmente está devolvendo Goiás para os goianos.

Representando os municípios goianos do Entorno do DF, o prefeito de Valparaíso de Goiás, Pábio Mossoró, do MDB, declarou que o estado não pode voltar ao passado. “Nós temos a responsabilidade de fazer com que Goiás continue avançando. Não podemos deixar que Goiás volte ao retrocesso e essa missão é nossa”, enfatizou Pábio.

O presidente do MDB-GO, Daniel Vilela, contou rapidamente com a aliança com o governador teve início. O dirigente fez questão de mencionar que a parceria com Caiado não era uma decisão sua e sim de todos os emedebistas. “Todos tiveram a chance de opinar e fizemos a melhor escolha”, destacou Daniel.

No decorrer de seu discurso, o presidente emedebista pediu que fosse exibido um vídeo de um evento em que seu falecido pai, Maguito Vilela, ex-governador de Goiás, distribuiu elogios a Ronaldo Caiado ao lado do também ex-governador do estado pelo MDB, Íris Rezende.

No vídeo, Maguito exalta virtudes de Caiado. Ao final, foi exibida a frase: os homens de bem têm que estar juntos pelo povo, pelas cidades, pelo nosso estado e pela nossa pátria.

Ao retomar a palavra, Daniel Vilela se dirigiu ao pai falecido e declarou, com a voz embargada e com lágrimas nos olhos, que “é exatamente isso, pai, que nós estamos fazendo aqui hoje”.

“É uma união de pessoas de bem pelo futuro do nosso estado. É uma união das pessoas que amadureceram e sabem o lado certo, o lado da verdade”, afirmou o emedebista.

Antes de Ronaldo Caiado começar a discursar, os emedebistas entoaram o tradicional “parabéns pra você” para celebrar o aniversário do governador. Caiado abriu seu momento de fala dizendo: – o MDB me deu o maior presente que eu queria.

Foto: Reprodução/Facebook

Ronaldo Caiado reconheceu que só se elegeu senador quando contou com o apoio do MDB. “Eu nunca neguei isso. Eu sempre reconheci publicamente e tive orgulho de ser eleito com o voto de vocês”, lembrou.

O governador ao destacar a importância de Maguito Vilela para Goiás disse que ele deixou um sucessor.

“Quando a gente não tem mais o pai do lado para nos ajudar, e a carga toda vem nos ombros, é onde você diferencia os homens de bem como você, Daniel, que tem a humildade e a hombridade de levantar a nossa bandeira. Nós podemos dizer em alto e bom som: – Maguito Vilela deixou sucessor e vai continuar na política do Estado de Goiás com a dignidade que merece, com esse jovem que será vice-governador na eleição de 2022”, declarou.

“É isso que eu quero do MDB. Nós vamos mostrar que em Goiás não tem mais espaço para roubalheira”, finalizou o governador ao ser ovacionado pelos emedebistas.

José Fernando Vilela

José Fernando Vilela é jornalista com especialização em marketing político e eleitoral e trabalhou em diversos órgãos públicos (GDF/CLDF/Câmara/Senado), partidos políticos, parlamentares e iniciativa privada. É editor-chefe, analista político e colunista do portal Expressão Brasiliense. É presidente da ABBP - Associação Brasileira de Portais de Notícias - desde 2021.

Read Previous

ALIADO DE MARCONI | Mendanha deve deixar MDB e entrar para o grupo político que acabou com Goiás

Read Next

REFORÇO NA SAÚDE | Ibaneis entrega UPA para a população de Ceilândia