• 18 de abril de 2019

Deputado quer criar fundo para bancar passagens aéreas de cônjuges para Brasília e evitar “traições”

Que o tal do chifre dói na cabeça, isso muito corno sabe disso. Porém, o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) quer evitar que os políticos que não tenham residência fixa em Brasília não sofram desse mal. Candidato à coordenador da Frente Parlamentar Evangélica, uma das mais fortes no Congresso, apresentou uma proposta de campanha para lá de inusitada. Ele sugere a criação de um fundo para custear as passagens aéreas dos cônjuges dos parlamentares para a capital federal a fim de evitar relações extraconjugais.

Para que tal medida seja implantada, os parlamentares que integram as mesas diretoras da Câmara dos Deputados e do Senado Federal terão que assinar um Ato da Mesa para poder criar tal regalia para que os parlamentares não tenham sua honra manchada. E quer saber quem vai bancar isso? Nós os contribuintes. 

Enquanto há inúmeras pessoas morrendo nas portas dos hospitais por falta de atendimento ou medicamento, centenas de estradas e rodovias em mau estado de conservação, crianças sem ter o que comer nas escolas e índices de violência fora do comum, um político sugerir uma proposta dessa preocupado em não ser traído, sinceramente, é um desrespeito total com a nação.

Embora não saibamos, tal medida pode ser para solucionar um problema particular ou de alguns colegas do parlamento. Como diz o ditado: o povo tem o representante que merece. 

Da Redação

Foto: Google Imagens

expressaobrasiliense

Read Previous

Temer fica em silêncio em depoimento à Polícia Federal

Read Next

DF e Goiás firmam parceria para proteger Bacia do Descoberto

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

gtag('js', new Date()); gtag('config', 'UA-136505599-1');