• 23 de julho de 2019

Brasil não descarta mais hidrelétricas na Amazônia

O governo brasileiro está aberto a avaliar novos projetos hidrelétricos na região da Amazônia, mas a decisão sobre eventuais novos empreendimentos dependerá de uma análise técnica do órgão ambiental Ibama, disse nesta segunda-feira (25), o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

O ministro defendeu ainda uma análise técnica dos processos de licenciamento ambiental de projetos hídricos, ao falar durante seminário da associação de relações governamentais Abrig.

“Amazônia é área sensível. É completamente diferente de fazer obra hidrelétrica no Sudeste, Centro-Oeste, enfim. Amazônia é um lugar plano, cada lugar que alaga tem consequências seriíssimas. Quem vai determinar se é possível ou não é o Ibama, à luz de informações que o próprio setor levar ao órgão”, explicou Salles.

Entretanto, a intenção do governo brasileiro em erguer novos empreendimentos dessa natureza pode ir na direção contrária das políticas públicas de preservação da Amazônia e pode ter resistência de ambientalistas e índios da região.

Da Redação com informações da Agência Reuters

Foto: Google Imagens

expressaobrasiliense

Read Previous

Aviões russos aterrissam na Venezuela com tropas

Read Next

Outra barragem da Vale sob o risco de romper em Minas Gerais

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.