• 25 de julho de 2021

INOVAÇÃO NOS TRIBUNAIS | BRB sai na frente e lança PIX Judicial

O BRB é primeiro banco do País a oferecer o PIX Judicial. A solução foi desenvolvida por meio de uma parceria com o Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDFT) e está em uso pelo Tribunal desde a semana passada.

Veja também

ATÉ OUTUBRO | Bolsonaro vai pagar mais três parcelas do auxílio emergencial

Com o PIX Judicial, recursos disponíveis em contas de depósito judicial poderão ser encaminhados para o destinatário, de modo imediato, para qualquer uma das 757 instituições participantes do Pix, com funcionamento autorizado pelo Banco Central.

Leia também  QUITAR DÍVIDAS | Bancos fazem mutirão para negociar dívidas em atraso

Além de permitir o cumprimento de ordens judiciais de forma automática e imediata, saldo e extrato das contas envolvidas nos processos judiciais também poderão ser visualizados pelos juízes a qualquer momento.

“O BRB dá mais um importante passo em direção à inovação e reforça seu compromisso em ser um banco digital, moderno e completo. A parceria com o TJDFT vai possibilitar agilidade para os envolvidos nos processos, além facilitar o cumprimento das decisões judiciais”, afirma o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

Leia também  HABITAÇÃO | BRB reduz taxa de financiamento do crédito imobiliário para 6,99%

Nos próximos meses, o BRB pretende expandir o serviço a outras esferas do judiciário, em todo o território nacional. “A tecnologia permite que o Banco esteja presente em todas as unidades da federação e atenda de forma eficiente, rápida e segura, os envolvidos em trâmites judiciais”, acrescenta o presidente.

“Com o uso do PIX Judicial, o TJDFT oferecerá à sociedade a mais recente e moderna modalidade de transferência bancária. Com isso, amplia-se o acesso à Justiça, permitindo que os jurisdicionados recebam os valores que lhes são devidos com mais facilidade e rapidez (o PIX funciona a qualquer hora do dia ou da noite, e mesmo em dias não úteis), inclusive em contas digitais das chamadas Fintechs”, destaca a Juíza Assistente da Corregedoria do TJDFT, Marilza Gebrin.

Leia também  CRESCIMENTO | Banco de Brasília (BRB) bateu recorde na emissão e ativação de cartões em 2019

(BRB)

Foto: Reprodução Google Imagens

expressaobrasiliense

Read Previous

ATÉ 18 DE JULHO | Educação de Jovens e Adultos (EJA) abre inscrições para novas matrículas

Read Next

TRANSFORMAÇÃO TECNOLÓGICA | Gilvan Máximo trabalha para que famílias de baixa renda do DF tenham acesso à Internet de graça