• 30 de novembro de 2020

MITOS FOLCLÓRICOS DA CAPITAL | Secretaria promove obra dedicada à cultura popular do Cerrado

Para celebrar 16 anos em prol de invenções culturais envolvendo os mitos do Sertão e do Cerrado, o grupo Seu Estrelo entrega mais uma obra aos apreciadores dos mistérios e magias que cercam o bioma do Planalto Central e suas criaturas nativas. Nesta quinta-feira (25), por meio de um vídeo-documentário, será lançado o livro Mito do Calango Voador e Outras Histórias do Cerrado, de autoria de Tico Magalhães, capitão e fundador dos grupos de culturas populares Seu Estrelo e Fuá do Terreiro.

O projeto, fomentado pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF (Secec), integra o calendário oficial do Circuito Candango de Culturas Populares, realizado pela Organização de Sociedade Civil (OSC) Instituto Rosa dos Ventos. Nesse sentido, a produção da obra literária presta homenagem ao grupo de invenções culturais Seu Estrelo, reconhecido pelo Ministério da Cultura em 2007 e 2018 como um dos maiores identificadores da cultura popular do Distrito Federal.

Na narrativa do Mito do Calango Voador, o autor Tico Magalhães procurou exemplificar, por meio de texto e ilustrações autorais, o surgimento dos muitos mundos em que a história do Calango é retratada de modo lúdico – um filho do Sol e da Terra, nascido no Planalto Central, que ganha asas para salvar-se de uma gigantesca tromba d’água. Por meio de uma narrativa surpreendentemente brasiliense, o livro aspira provocar a sensação de pertencimento em seu público, criando um reconfortante sentimento de identificação com os mitos locais propostos na obra.

Leia também  POLÍTICA AMBIENTAL | Conama derruba regras que garantiam proteção a manguezais e restingas

Para Tico Magalhães, artista pernambucano radicado no Distrito Federal, além de oferecer um passeio entre o real, o fantástico e o imaginário, o livro também é uma resposta do grupo ao momento enfrentado atualmente pela sociedade. Trata-se, também, de uma maneira de se posicionar, por meio do encantamento que faz parte do ofício de quem faz arte e cultura.

“A obra literária é uma forma de levar o mito até as pessoas com força e qualidade, proporcionando o entendimento daquilo que a gente está falando quando se refere ao mito”, ressalta o autor.

Orgulho

De acordo com o Secretário de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal, Bartolomeu Rodrigues, a obra retrata com orgulho a verdadeira essência dos elementos que compõem a história do Planalto Central, onde as plantas e os bichos sempre foram os donos de todo o Cerrado.

“É o Calango que nos diz: ‘Eu sou a porta para os seus sonhos’. Vida longa ao Seu Estrelo, por ajudar a celebrar a cultura do Cerrado ao longo destes 16 anos. O Cerrado é isso; é Sertão, é Brasília, é Brasil”, celebra Bartolomeu.

Leia também  NOVO PROGRAMA | Com apoio de parlamentares, Bolsonaro anuncia o Renda Cidadã

O titular da Cultura acrescenta que a composição dos mitos locais feita por Seu Estrelo retrata com leveza a magia desde o sertão pernambucano até os “sertões de Goiás”, palco das aventuras do Calango do Cerrado.

“Nesse tudo se plantou Brasília, sem nem pedir licença à Seriema que ainda canta e resiste, dividindo o céu com o Lobo Guará, com o Tamanduá Bandeira, com o Gato Maracajá, com a Jaguatirica, com os Inhambus, com a Coruja Orelhuda – todos vivendo à sombra dos ipês de toda cor, do Pau Santo, da Pindaíba, da Sucupira, do Buriti, do Jatobá e do Calango de Seu Estrelo, que aparece no círculo básico do mito local”, completa.

Programação de lançamento

A primeira apresentação oficial do livro ao público será online e acontece no dia 25 de junho, a partir das 19h, com exibição de minidocumentário inédito que registra depoimentos de personalidades da cultura popular sobre a obra.

Os interessados podem acompanhar a programação por meio das redes sociais do Circuito Candango e do Centro Tradicional de Invenção Cultural, sede do Seu Estrelo. Após o lançamento, os exemplares estarão disponíveis para compra no site https://www.rosadosventosinstituto.com.br/ ou pelo e-mail centrodeinvencao@gmail.com.

Leia também  CARNAVAL 2020 | GDF vai financiar blocos de ruas e escolas de samba

O livro desenvolvido para celebrar os mistérios do Cerrado e as aventuras do Calango Voador também terá ainda a impressão de mil exemplares. Parte de sua tiragem será distribuída gratuitamente a bibliotecas públicas, escolas e grupos culturais.

Com a vendagem do restante dos livros, a R$ 15 cada um, a arrecadação de recursos será destinada à manutenção da sede do espaço cultural do grupo Seu Estrelo.

Serviço:

Mito do Calango Voador e Outras Histórias do Cerrado
Data: 25 de junho (quinta-feira)
Horário: 19h
Local: Instagram (@circuitocandango e @centrodeinvencao) e canal no Youtube do Instituto Rosa dos Ventos e Seu Estrelo (https://www.youtube.com/channel/UCtgy4kbKo1XbMfMgi-dQyWQ)
Vendas: https://www.rosadosventosinstituto.com.br/ ou pelo e-mail centrodeinvencao@gmail.com
Valor do livro: R$ 15,00

Avatar

expressaobrasiliense

Read Previous

IBANEIS NAS RUAS | Governador faz blitz em São Sebastião e Paranoá para conferir obras e melhorias nas duas cidades

Read Next

FIM DE UMA ESPERA DE 20 ANOS | Começa processo de regularização do Paranoá