• 19 de julho de 2024

O FINO DA POLÍTICA | União Brasil confirma o nome de Caiado para concorrer à presidência em 2026

União Brasil confirma o nome de Caiado para concorrer à presidência em 2026 

União Brasil confirma o nome de Caiado para concorrer à presidência em 2026 
Foto: Reprodução/Google Imagens

Os principais líderes do União Brasil foram a Aparecida de Goiânia, em Goiás, no sábado (15), para referendar o nome do governador do estado, Ronaldo Caiado, na corrida presidencial de 2026. A legenda realizou na cidade goiana o seu primeiro encontro nacional após os embates internos que ocorreram durante a mudança de direção da sigla, que hoje está sob o comando do advogado Antônio Rueda. Durante o encontro, os discursos foram todos voltados para exaltar as competências e a capacidade de Caiado como administrador, diante do trabalho realizado por ele no estado no decorrer de seus dois mandatos, que será utilizado como vitrine em busca projetá-lo nacionalmente. Além de lançar Ronaldo Caiado para presidente, a legenda também sinalizou os nomes da sigla que irão concorrer aos governos estaduais em 2026 como ACM Neto, na Bahia; os senadores Sérgio Moro, no Paraná, e Professora Dorinha, no Tocantins. Em seu discurso, Caiado aproveitou para preparar o terreno para seu sucessor, Daniel Vilela, do MDB. Ele falou de sua gestão e fez críticas à administração de seu antecessor e principal opositor no estado, sem fazer menção a seu nome, o ex-governador Marconi Perillo, que hoje é o presidente nacional do PSDB e pode lá na frente ajudá-lo na corrida presidencial. O presidente Rueda encerrou o encontro destacando que Caiado terá todo o apoio para se projetar e ganhar visibilidade nacional. A bola agora está com o governador goiano.   

Bolsonaristas da legenda sonham com Michelle como vice

Bolsonaristas da legenda sonham com Michelle como vice
Foto: Reprodução/Google Imagens

Com o nome de Ronaldo Caiado confirmado no cenário para 2026 e diante da inelegibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro, uma eventual composição de aliança entre o político goiano e a ex-primeira-dama e presidente nacional do PL Mulher, Michelle Bolsonaro, concorrendo ao seu lado como vice, passa a ser o sonho de consumo dos bolsonaristas que integram o União Brasil. Muitos acreditam que essa seria a chapa perfeita para bater à esquerda, mesmo sendo Lula candidato à reeleição. Resta agora aguardar para que os ventos soprem a favor de Caiado. Por ora, o PL, conforme anuncia o presidente da legenda, Valdemar Costa Neto, na propaganda partidária que está no ar, o partido está em compasso de espera de uma decisão de Jair Bolsonaro. Como o ex-presidente já confessou que Michelle não teria musculatura para encarar uma eleição nacional, de repente, apostar numa união com Caiado pode ser uma opção para manter a influência de seu grupo no jogo político e neutralizar o surgimento de uma nova liderança no campo da direita fora do seu círculo próximo.

José Dirceu está de volta ao cenário político

José Dirceu está de volta ao cenário político
Foto: Dvulgação/Ag. CLDF

Desde que teve suas condenações no âmbito da Lava Jato anuladas pelo STF, o ex-ministro José Dirceu voltou a circular nos bastidores da política em busca de se restabelecer e voltar a ter poder. Dirceu tem atuado na articulação política do PT fortalecendo os diretórios regionais e trabalhando pautas de interesse do governo Lula que apresentem resultados diretos na vida da população e possam ser utilizado futuramente pela legenda em seus programas. Na semana passada, ‘Zé’ Dirceu esteve na CLDF e gerou diversas especulações e interpretações sobre sua visita. Alguns vislumbraram que ele concorra a um cargo eletivo pelo DF. No entanto, o ex-ministro petista ainda tem dois processos na Justiça que o impedem de concorrer em 2026, onde é acusado por crimes de associação criminosa e corrupção envolvendo um esquema de pagamento de propina pela Petrobras para políticos. A anulação no STF foi apenas de um dos processos que ele tem. Para os que temiam que o petista fosse entrar na disputa eleitoral da capital federal, pode ficar sossegado. Até porque, o próprio Dirceu sabe que por estas bandas uma possível eleição sua seria quase que impossível. E caso pudesse concorrer, com certeza, ele tentaria a sorte por São Paulo, onde o petista tem seus votos cativos. Política não se faz com amadorismo e o ‘Zé’ sabe disso.  

Damares Alves quer mudança na legislação para estupradores 

Damares Alves quer mudança na legislação para estupradores 
Foto: Reprodução/Google Imagens

A aprovação do regime de urgência do PL 1904/2024, que trata do aborto, gerou inúmeras reações no meio político. A senadora Damares Alves, do Republicanos-DF, entrou na briga e aproveitou para convocar todos os congressistas a debaterem mudanças na legislação para punir com mais rigor os estupradores. “Eu estou vendo todo mundo nas redes sociais preocupado com o aborto. Eu estou preocupada com o estupro. Vamos fazer uma coisa? Vem cá comigo, todo mundo. Vamos pegar todos os projetos de lei que estão lá na Câmara e no Senado que aumentam a pena para o estuprador? Quero ver a esquerda vir comigo agora. Todo mundo vem comigo. Vamos aumentar a pena dos estupradores no Brasil?”, propôs a senadora num vídeo divulgado em suas redes sociais. Damares rebateu as críticas de políticos da esquerda que disseram que a direita estaria defendendo estupradores. “Não. Nós queremos estupradores na cadeia”, enfatizou. A senadora ainda pediu apoio das feministas. Ele perguntou se a esquerda apoiaria uma mudança na legislação para instituir a prisão perpétua para quem cometer estupro.

CFM critica visita de políticos a hospitais do DF

CFM critica visita de políticos a hospitais do DF
Foto: Reprodução/Google Imagens

Responsável por fiscalizar e normatizar a prática médica no Brasil, o Conselho Federal de Medicina (CFM), por meio de seu presidente, José Hiran da Silva Gallo, e de sua segunda vice-presidente, Rosylane Rocha, divulgaram vídeo criticando as visitas que vêm sendo realizados por parlamentares nos hospitais públicos do DF. De acordo com os dirigentes, os deputados não podem transformar os espaços de atendimento, hospitais, UPAs e postos de saúde, em ‘arenas’ do jogo político. Rosylane chega a mencionar que as visitas geraram situações de conflitos entre pacientes e profissionais de saúde, o que dificulta ainda mais o atendimento a ser realizado diante da alta demanda existente nas unidades de saúde. A médica classificou as ‘visitas técnicas’ como desserviço à população. 

Wellington Luiz rebateu e defendeu prerrogativa de fiscalizar

Wellington Luiz rebateu e defendeu prerrogativa de fiscalizar
Foto: Reprodução/Google Imagens

A manifestação dos dirigentes do CFM não caiu bem na Câmara Legislativa do DF. O presidente da CLDF, deputado Wellington Luiz, saiu em defesa dos seus colegas e a mesa diretora divulgou nota de repúdio a posição da doutora Rosylane. De acordo com o texto, a CLDF recebeu com ‘estranheza e indignação’ a manifestação da dirigente do CFM. Em seu perfil pessoal, Wellington Luiz, rebateu a médica. “Não aceitaremos tentativas de interferência ou intimidação no trabalho dos parlamentares desta Casa. A CLDF tem um compromisso com a população e continuará cumprindo suas obrigações legais”, afirmou o presidente. 

Fred Linhares em baixa nas ondas do rádio

Fred Linhares em baixa nas ondas do rádio
Foto: Divulgação/Rádio Metrópoles

Eleito como uma quantidade de votos bem significativa em 2022, o deputado federal Fred Linhares, do Republicanos, está em baixa na rádio. O último levantamento de audiência das emissoras de rádio do DF feito por um instituto de pesquisas, referente ao mês de maio, apontou que o programa do deputado não é mais o líder de audiência de seu horário. Recentemente, Fred Linhares trocou a Atividade FM, do ex-federal e comunicador Vigão, pela Metrópoles, do ex-senador Luiz Estevão. Fred tem se aproveitado de seu programa para fazer política. Volta e meia um de seus apoiadores envia áudio pedindo para ele se candidatar ao GDF em 2026. Apesar de manter o mesmo estilo de programa da sua antiga casa, Fred Linhares não consegue mais segurar a audiência. De acordo com o levantamento, das 6h às 8h da manhã, o líder de audiência é o programa Rota Atividade, apresentado por Sandro Gianelli e pelo coronel Moreno. Já se fala por aí que o coronel vai se candidatar a federal em 2026. Se deixar, Fred Linhares corre o risco de, além de perder a audiência, perder também o mandato para seu concorrente. 

* José Fernando Vilela é jornalista com especialização em marketing político e eleitoral. Já trabalhou em diversos órgãos públicos (GDF/CLDF/Câmara/Senado) e iniciativa privada. É editor-chefe, analista político e colunista do Expressão Brasiliense, e é presidente da ABBP – Associação Brasileira de Portais de Notícias – desde 2021. Apresenta o programa Viva a sua Cidade, de segunda a sexta, das 11h às 13h, na rádio Viva FM 101.3.  

OBS: O conteúdo da coluna O Fino da Política é de uso exclusivo deste portal e de outros que foram expressamente autorizados. É proibida a sua reprodução total ou parcial para fins jornalísticos, publicitários e quaisquer outras sem a devida autorização.

Acompanhe o Expressão Brasiliense pelas redes sociais.

Dá um like para o #expressaobrasiliense na fanpage do Facebook. 

Siga o #expressaobrasiliense no Instagram

Inscreva-se na TV Expressão, o nosso canal do YouTube.

Receba as notícias do Expressão Brasiliense pelo Whatsapp

José Fernando Vilela

José Fernando Vilela é jornalista com especialização em marketing político e eleitoral e trabalhou em diversos órgãos públicos (GDF/CLDF/Câmara/Senado), partidos políticos, parlamentares e iniciativa privada. É editor-chefe, analista político e colunista do portal Expressão Brasiliense. É presidente da ABBP - Associação Brasileira de Portais de Notícias - desde 2021.

Read Previous

APÓS QUATRO DIAS FORAGIDO | Eurípedes Júnior, presidente do Solidariedade, se entrega à PF neste sábado (15)

Read Next

GREVE DOS TÉCNICOS DE ENFERMAGEM | Justiça determina a suspensão da paralisação e a volta ao trabalho a partir de segunda (17)