• 22 de abril de 2024

O FINO DA POLÍTICA | TRE-DF corre contra o tempo para limpar a pauta de julgamento das ações das eleições de 2022

TRE-DF corre contra o tempo para limpar a pauta de julgamento das ações das eleições de 2022

TRE-DF corre contra o tempo para limpar a pauta de julgamento das ações das eleições de 2022
Foto: Divulgação/TRE-DF

O mês de abril de 2024, que se inicia amanhã, traz consigo o sentimento de despedida no Tribunal Regional Eleitoral do DF. A corte passará pela troca de comando. O desembargador Roberval Belinati passará o bastão para o seu sucessor, desembargador Jair Soares, no dia 22 de abril. Até lá, os magistrados pretendem julgar o máximo de ações que puderem referentes às eleições de 2022. As pautas e as datas de julgamentos ainda não foram divulgadas no site da Corte Eleitoral. Fontes disseram a este colunista que os desembargadores estão se esforçando para não deixar processos pendentes para quem vai chegar. O desembargador Belinati deixa o TRE-DF com um excelente trabalho, que ficará marcado pelo bom relacionamento com o eleitor e com a imprensa. O atual presidente da Corte Eleitoral do DF teve uma gestão bastante comunicativa, participativa e cordial com todos os segmentos da sociedade e muito próxima da população, o que fará com que sua passagem pela presidência do Tribunal seja lembrada por um bom tempo.

Rogério Morro da Cruz segue firme na cadeira de distrital

Rogério Morro da Cruz segue firme na cadeira de distrital
Foto: Divulgação/CLDF

Entre as ações que serão julgadas pelo TRE-DF em abril está o pedido da perda do mandato do distrital Rogério Morro da Cruz, sem partido, feito pelo PMN nacional. A legenda acusa o parlamentar de infidelidade partidária. No entanto, o distrital deixou a sigla pela porta da frente. Como o PMN não atingiu a cláusula de desempenho nas eleições de 2022, a direção do DF atendeu um pedido do deputado e concedeu a ‘Rogerinho’ uma carta de anuência de desfiliação. Além de ter sua saída abonada pelo diretório local, a ação movida pelo PMN nacional não tem sustentação legal, pois a legenda acionou a Justiça Eleitoral depois de perder o prazo estabelecido por lei para requerer o mandato. Em suma, a agremiação partidária deu um tiro no pé. Nos bastidores, os comentários dão conta de que tudo não passou de uma armação mal orquestrada pela suplente do distrital em conchavo com os dirigentes da direção nacional do PMN. De acordo com a decisão do relator do caso, desembargador Mário-Zam Belmiro, ‘Rogerinho’ segue firme na cadeira de distrital. A audiência marcada para a próxima sexta (5) para ouvir testemunhas será apenas para cumprir as formalidades do rito processual.

Michel Temer será agraciado com título de Cidadão Honorário de Brasília nesta semana

Michel Temer será agraciado com título de Cidadão Honorário de Brasília nesta semana
Foto: Reprodução/Google Imagens

A Câmara Legislativa do DF realiza na próxima quarta (03), às 19h, a entrega do título de Cidadão Honorário de Brasília ao ex-presidente Michel Temer. A iniciativa de conceder a honraria é do distrital Iolando, que é do MDB, partido de Temer, Ibaneis Rocha, do presidente da CLDF, Wellington Luiz, e de outros deputados do parlamento distrital. 

Solenidade será bem prestigiada

A sessão solene de outorga do título a Michel Temer deve ser bem prestigiada. Temer é considerado um dos caciques do MDB e, mesmo sem ter mandato político, é bem influente até hoje na legenda. O ex-presidente é muito benquisto por muitos líderes partidários do Congresso Nacional. A expectativa é que muita gente do cenário político nacional compareça à Câmara Legislativa para participar da homenagem a Michel Temer. 

Já tem gente de olho no PSDB-DF

Já tem gente de olho no PSDB-DF
Foto: Reprodução/Google Imagens

Com a saída do senador Izalci Lucas do PSDB para o PL, nos bastidores surgem rumores de que tem gente querendo ter uma conversa com o ex-governador Marconi Perillo, presidente nacional do PSDB, com o objetivo de assumir o comando da legenda no DF. O partido está sob o comando do filho do senador, Sérgio Izalci. Em 2022, ele se candidatou a distrital e obteve 1.996 votos, ficando em quarto lugar entre os candidatos tucanos. Como o PSDB recebe uma boa quantia de recursos do fundo partidário, tem gavião de olho na chave do cofre do tucanato brasiliense. Para este ano, a Justiça Eleitoral informou que o PSDB vai receber mais de R$ 155 milhões. Essa dinheirama toda deve ser dividida entre todos os diretórios. Em síntese, alguns milhões devem sobrar para o PSDB-DF. É por isso que tem gente atrás do Marconi. Resta saber se os interessados têm uma proposta mais atraente que a atual. 

Quer voltar à CLDF em 2026

Quer voltar à CLDF em 2026
Foto: Reprodução/Google Imagens

Quem já está se movimentando na cidade mirando voltar à CLDF em 2026 é o ex-distrital Rogério Ulysses. Em 2022, ele foi absolvido pelo TJDFT pela acusação de ter cometido crime de corrupção durante o governo Arruda. Rogério era um dos investigados na Operação Caixa de Pandora. O juiz do caso entendeu que não havia nenhuma prova contra o ex-distrital. Agora, Rogério Ulysses está se preparando para disputar uma das 24 cadeiras da CLDF nas próximas eleições. Em São Sebastião e região, Ulysses, mesmo sendo alvo de críticas devido ao processo que estava em curso, ele conseguiu se manter influente. O ex-distrital ainda tem voz ativa na cidade e tem tudo para retomar a sua caminhada política. Só não pode errar a mão. Rogério Ulysses tem que fazer a composição política mais viável para voltar à CLDF em 2026.

Feliz Páscoa a todos!

* José Fernando Vilela é jornalista com especialização em marketing político e eleitoral. Já trabalhou em diversos órgãos públicos (GDF/CLDF/Câmara/Senado) e iniciativa privada. É editor-chefe, analista político e colunista do Expressão Brasiliense, e é presidente da ABBP – Associação Brasileira de Portais de Notícias – desde 2021. Apresenta o programa Viva a sua Cidade, de segunda a sexta, das 11h às 13h, na Viva FM 101.3.  

OBS: O conteúdo da coluna O Fino da Política é de uso exclusivo deste portal e de outros que foram expressamente autorizados. É proibida a sua reprodução total ou parcial para fins jornalísticos, publicitários e quaisquer outras sem a devida autorização.

Acompanhe o Expressão Brasiliense pelas redes sociais.

Dá um like para o #expressaobrasiliense na fanpage do Facebook. 

Siga o #expressaobrasiliense no Instagram

Inscreva-se na TV Expressão, o nosso canal do YouTube.

Receba as notícias do Expressão Brasiliense pelo Whatsapp.

José Fernando Vilela

José Fernando Vilela é jornalista com especialização em marketing político e eleitoral e trabalhou em diversos órgãos públicos (GDF/CLDF/Câmara/Senado), partidos políticos, parlamentares e iniciativa privada. É editor-chefe, analista político e colunista do portal Expressão Brasiliense. É presidente da ABBP - Associação Brasileira de Portais de Notícias - desde 2021.

Read Previous

ELEIÇÕES NO ENTORNO | Militantes e pré-candidatos a vereador do PT de Valparaíso não querem aliança com Mossoró e ‘Cinquentinha’

Read Next

COMBATE À DENGUE | Equipamentos que entrega resultado de teste rápido em 30 minutos já estão sendo utilizados no DF