DURANTE 12 MESES | Ibaneis doa salário para duas instituições de Planaltina

Durante um ano, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, doará todo o seu salário como chefe do Executivo a duas entidades de Planaltina: o Centro de Reintegração Deus Proverá (CRDP) e a Comunidade de Renovação, Esperança e Vida Nova (Crevin). Juntas, as entidades beneficentes e sem fins lucrativos receberão o equivalente a R$ 18.501,00 mensais. O anúncio da doação ocorreu nesta quinta-feira (6), durante solenidade no Salão Nobre do Palácio do Buriti.

“Durante a campanha, me comprometi a doar minha remuneração para instituições de caridade”, discursou. “No ano passado, eu doei para a Casa do Ceará e, agora, optei por fazer a doação para essas duas entidades, que muito têm feito na área social”, completou o chefe do Executivo.

Durante solenidade, Ibaneis falou mais sobre o trabalho das duas entidades. A CRDP, que cuida da recuperação de mais de 100 homens com problemas de drogadição, e a Crevin, que acolhe 36 idosos abandonados por suas famílias. “É um trabalho muito bonito que tive a oportunidade de conhecer de perto durante a campanha. Acredito muito em trabalho de filantropia com resultados”, explicou.

“É um trabalho muito bonito que tive a oportunidade de conhecer de perto durante a campanha” Ibaneis Rocha, governador do DF

As entidades beneficiárias foram indicadas pelo deputado distrital Cláudio Abrantes. “São instituições conhecidas e reconhecidas pela população de Planaltina. Fazem um trabalho social excepcional”, disse o líder do governo na Câmara Legislativa.

Terceira idade

O governador anunciou que estuda um programa destinado exclusivamente ao cuidado do idoso. “Assim como fizemos o cartão-creche, em que entregamos ontem 5 mil unidades, até o final do ano quero ver se viabilizamos o cartão-idoso”, destacou.

Ibaneis: “Acredito muito em trabalho de filantropia com resultados” | Foto: Renato Alves / Agência Brasília

Segundo ele, a proposta se baseia numa espécie de bolsa para ajudar a cuidar de “uma população que não pode ser esquecida pelo Estado”. “É algo para dar dignidade a essas pessoas”.

Ainda segundo Ibaneis, a ideia veio depois de uma viagem aos Estados Unidos. “Lá estão construindo bairros inteiros para acolher essas pessoas, e o governo paga uma espécie de aluguel social”, explicou.

O formato do programa ainda não está definido. Mas, segundo o governador, a ideia é contemplar pelo menos moradia e alimentação.

(Agência Brasília)

expressaobrasiliense

Read Previous

ELEIÇÕES 2020 | MDB recebe Pábio Mossoró com grande festa que conta com o apoio de líderes políticos de Valparaíso e outras cidades da região

Read Next

ATENÇÃO | Defesa Civil emite novo alerta de chuvas fortes

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.