• 27 de junho de 2022

Num futuro bem próximo quem não entender de tecnologia está fora do jogo

A tecnologia está cada vez mais presente nos novos negócios originados a partir da transformação digital. E isso exige uma nova mentalidade e uma postura diferente dos profissionais, que ganham mais autonomia, mas têm a obrigação de incorporar as novas tecnologias como ferramentas básicas de trabalho.

“A velocidade da tecnologia foi muito rápida. Os negócios mudaram. O grande gargalo pelo qual todas as organizações estão passando é como criar o mindset digital, como usar os funcionários para inovação de forma que consigam criar valor de forma mais veloz”, destaca o presidente da BRQ, Benjamin Quadros.

Em entrevista ao portal Convergência Digital, o executivo disse que o profissional de hoje é mais generalista. Mas adverte: tem que entender de tecnologia ou está fora do jogo. Quadros acredita que esse movimento fortalece as equipes, mas exige iniciativa. “A grande mudança de postura é liderar menos do que ser liderado. A oportunidade é ter mais autonomia e independência, claro que dentro de um contexto combinado.”

Um estudo do World Economic Forum aponta para “drivers of change” ou seja, fatores que estão levando à reinvenção das carreiras. Entre eles, temos a cloud computing e a internet móvel, elementos cada vez mais presentes em diversas atividades.

O fato é que a escolha profissional ajustada às últimas tendências garante uma longa carreira dentro da área escolhida.

Veja algumas profissões que estão em alta no mundo digital:

Gestor de Marketing de Conteúdo;

Gestor de Inovação;

Especialista em Direito Digital;

Desenvolvedor de Software;

Analista de Machine Learning;

e Analista de Big Data.

Da Redação com informações do portal Convergência Digital

Foto: Google Imagens

 

 

Expressão Brasiliense

Read Previous

Secretário de Segurança do DF diz que cela exclusiva para Luiz Estevão se deve ao seu poder econômico

Read Next

Carlesse é eleito para o mandato-tampão do Tocantins com mais de 368 mil votos