• 19 de abril de 2021

REFORÇO CONTRA A PANDEMIA | Obra do Hospital de Campanha de Ceilândia é entregue ao GDF

A obra do Hospital de Campanha de Ceilândia foi entregue nesta sexta-feira (27) após a Subsecretaria de Infraestrutura avaliar toda a situação. A partir de agora, serão tomadas as providências para equipar o hospital e contratar as empresas prestadoras de serviços que ficarão responsáveis pela limpeza e segurança da unidade.

Veja também

MAPEAMENTO GENÉTICO | Projeto de Rafael Prudente que obriga hospitais do DF a realizar o teste em mulheres com risco de câncer de mama é sancionado

“Todos os equipamentos que serão instalados no Hospital de Campanha de Ceilândia são oriundos do Hospital de Campanha do Mané Garrincha. Estes equipamentos, inclusive, já estão sob a responsabilidade da Superintendência da Região Oeste”, afirmou o secretário adjunto de Assistência, Petrus Sanchez.

Leia também  COMBATE À DENGUE | DF tem quase 835 mil imóveis inspecionados contra o Aedes

Leitos

O hospital foi erguido na QNN 27 e vai comportar 60 leitos, sendo 20 de suporte respiratório e 40 de enfermaria. O valor total investido na construção do Hospital de Campanha de Ceilândia foi de R$ 10,4 milhões. “A obra foi entregue conforme o solicitado e sem alteração no projeto. O atraso na entrega ocorreu porque a empresa teve dificuldades na compra de materiais de construção por causa da pandemia”, explica o subsecretário substituto de Infraestrutura, Alan Oliveira dos Santos.

Leia também  EM MAUS LENÇÓIS | Após perder vice-liderança, Bia Kicis pode ser expulsa do PSL por votar contra Fundeb

A nova unidade hospitalar está em uma área de aproximadamente 22.900 metros quadrados e fica ao lado da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ceilândia. A previsão é que o novo hospital seja equipado até o dia 15 de dezembro.

Remanejamento

Depois que o Hospital de Campanha de Ceilândia for inaugurado, receberá somente casos de pacientes com Covid-19. Em contrapartida, o Hospital Acoplado ao HRC será desativado e após uma ação de limpeza e desinfecção de, pelo menos dois dias, será utilizado para ampliar o atendimento aos pacientes da emergência da Clínica Médica do Hospital Regional de Ceilândia.

Leia também  BRB lança campanha que oferece até 90% de descontos para clientes com dívidas atrasadas

(Agência Brasília)

Foto: Reprodução G1/DF

Avatar

expressaobrasiliense

Read Previous

GESTÃO TRANSPARENTE | “Estamos há quase dois anos sem referência de corrupção”, afirma Caiado

Read Next

NO ÚLTIMO DEBATE | Paes e Crivella trocam acusações e ofensas pessoais