• 25 de julho de 2021

NA CHINA | Pai encontra filho sequestrado quando bebê depois de 24 anos

Um chinês reencontrou seu filho depois de uma busca que durou 24 anos e uma viagem de 500 mil km em uma moto pelo país. O filho de Guo Gangtang foi sequestrado aos dois anos por traficantes de humanos na frente de sua casa na província de Shandong, no leste da China.

A história do desaparecimento de seu filho inspirou um filme em 2015, estrelado por Andy Lau, ator, cantor e produtor famoso de Hong Kong. O sequestro de crianças é um grande problema na China, com milhares de vítimas todos os anos.

De acordo com o Ministério de Segurança Pública da China, a polícia conseguiu rastrear a identidade do filho de Guo por meio de testes de DNA. Dois suspeitos do sequestro foram posteriormente rastreados e presos, informou o jornal chinês Global Times.

Leia também  DESCUMPRIU ACORDOS | Senadores dos EUA pede a Biden para não dar dinheiro para Bolsonaro

Os suspeitos, que estavam namorando na época, planejavam sequestrar uma criança para vendê-la por dinheiro, segundo uma reportagem do China News.

Depois de ver o filho de Guo brincando sozinho fora de sua casa, a suspeita – identificada apenas pelo sobrenome Tang – o agarrou e o levou à rodoviária, onde seu parceiro, Hu, a aguardava. O casal então pegou um ônibus intermunicipal para a província vizinha de Henan e o vendeu lá.

Reportagens da imprensa local dizem que o filho de Guo foi encontrado ainda morando na província. Hoje, ele tem 26 anos.

Percorrendo o país de moto

“Agora que meu filho foi encontrado, reencontrei minha felicidade”, disse Guo a repórteres.

Leia também  EM RAZÃO DO ISOLAMENTO | ONU pede proteção a mulheres e crianças vítimas de violência doméstica

Depois que seu filho foi sequestrado em 1997, Guo teria viajado para mais de 20 províncias em todo o país em uma motocicleta seguindo pistas. No processo, ele sofreu acidentes de trânsito e até se deparou com ladrões em estradas. Dez motos foram danificadas.

Carregando faixas com a foto de seu filho, ele disse ter gasto as economias de sua vida durante a missão, dormindo embaixo de pontes e implorando por esmolas quando ficou sem dinheiro. Enquanto procurava por seu filho, ele também se tornou um membro proeminente de organizações de pessoas desaparecidas na China e ajudou pelo menos sete pais a se reunirem com seus filhos sequestrados.

Leia também  REABERTURA DO COMÉRCIO | Prefeitos do Entorno acatam decreto de Caiado e anunciam a volta do funcionamento do setor nesta quarta (31)

Assim que a notícia de que o filho de Guo havia sido localizado, redes sociais chinesas foram inundadas com mensagens de apoio ao pai.

“Muitos pais provavelmente teriam desistido há muito tempo. Ele é incrível e estou realmente feliz por ele”, escreveu uma pessoa no serviço de microblogging Weibo.

Na China, o sequestro e o tráfico de bebês são um problema há décadas. Estimativas de 2015 apontam que 20 mil crianças eram raptadas todos os anos na China. Muitas delas são vendidos para adoção, tanto no mercado interno quanto no exterior.

(BBC News Brasil)

Foto: Reprodução Google Imagens

expressaobrasiliense

Read Previous

PARA SETEMBRO | Caiado anuncia retomada das obras do Hospital de Águas Lindas

Read Next

COMBATE AOS INCÊNDIOS | GDF divulga resultado de processo seletivo para contratar 150 brigadistas