• 22 de abril de 2024

DIA MUNDIAL DA ÁGUA | Instituto Brasília Ambiental promove palestra sobre o meio ambiente para reforçar a importância da data

Em comemoração ao Dia Mundial da Água, celebrado na sexta-feira (22), o Instituto Brasília Ambiental promoveu mais uma edição do ciclo de palestras  Compartilhando Saberes. O evento foi transmitido pelo canal da autarquia no YouTube.

A analista de Meio Ambiente Maria Fernanda Teixeira apresentou o trabalho Panorama da Gestão de Resíduos no Distrito Federal. Ela lembrou que, em 2022, o Brasil produzia 81.811.506 toneladas por ano, reciclando apenas 4% desse total. “As pessoas pensam apenas em jogar o lixo fora, mas do ponto de vista do planeta, não existe como jogar fora, porque não existe fora”, pontuou.

“Não podemos esperar para pensar no lixo quando ele já virou um problema; precisamos começar a pensar antes da sua geração, desde o momento do consumo”

Maria Fernanda Teixeira, analista do Instituto Brasília Ambiental

No DF, até 2017, todo o material descartado era despejado em um lixão na Estrutural. Com a construção do Aterro Sanitário em Samambaia, os resíduos passaram a ter um local apropriado onde o lixo é diariamente aterrado e o chorume passa por um tratamento antes de ser despejado no Rio Melchior.

Segundo Maria Fernanda, atualmente mais de 1.300 catadores trabalham por meio de cooperativas, como contratados do SLU, fazendo coleta seletiva e triagem de resíduos recicláveis. O DF também é campeão em compostagem, promovendo o tratamento de 10% do total de resíduos gerados, que são doados para agricultores rurais.

Durante a apresentação, também foi lembrado que o DF necessita do engajamento da população nesse processo para prolongar a vida útil do Aterro Sanitário,  que tem a previsão de capacidade de trabalho até 2050. “Não podemos esperar para pensar no lixo quando ele já virou um problema; precisamos começar a pensar antes da sua geração, desde o momento do consumo”, afirmou Maria Fernanda. “Precisamos repensar os nossos hábitos de consumo”.

Conscientização

Em 22 de março de 1992, a Organização das Nações Unidas (ONU) criou o Dia Mundial da Água. A data foi lançada durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento, também conhecida como Eco-92, no Rio de Janeiro, como um esforço da comunidade internacional para colocar em pauta as questões essenciais que envolvem os recursos hídricos no planeta.

“Sendo a água tão essencial à vida e destacando o fato de estarmos em uma região tão rica em nascentes, considerada por muitos ‘o berço das águas’, nossa missão é trabalhar e construir políticas públicas para a proteção desse recurso natural finito, garantindo água de qualidade hoje e sempre para a população do Distrito Federal”, avaliou o presidente do Brasília Ambiental, Rôney Nemer.

(Agência Brasília)

Foto: Foto: Divulgação/Brasília Ambiental

Acompanhe o Expressão Brasiliense pelas redes sociais.

Dá um like para o #expressaobrasiliense na fanpage do Facebook. 

Siga o #expressaobrasiliense no Instagram.

Inscreva-se na TV Expressão, o nosso canal do YouTube.

Receba as notícias do Expressão Brasiliense pelo Whatsapp

Expressão Brasiliense

Read Previous

TERCEIRA PARCELA | Servidores da saúde iniciam mobilização para receber pagamento retroativo de reajustes salariais

Read Next

AFASTADA DOS HOLOFOTES | Kate Middleton reaparece nas redes sociais e revela que foi diagnosticada com câncer