• 19 de junho de 2021

PRÓXIMOS DA FILA | GDF anuncia que vacinação de professores e profissionais da educação começa na quinta (20)

O Governo do Distrito Federal (GDF), por meio da Secretaria de Saúde, começa a vacinar profissionais da educação nesta quinta-feira (20). A informação foi divulgada em entrevista coletiva no Palácio do Buriti, na tarde de segunda-feira (17).

Veja também

OBRAS INÉDITAS | Estão abertas as inscrições para o 2° Prêmio Detran-DF de Educação de Trânsito

Há expectativas de que esse processo seja, inclusive, antecipado, caso as novas doses de vacinas para o DF esta semana cheguem antes da data prevista.

Foram reservadas 10 mil doses de vacinas, inicialmente, aos professores e funcionários de creches públicas e privadas.

Os profissionais serão direcionados a postos de vacinação próximos aos locais de trabalho. As informações serão repassadas pela Secretaria de Educação à de Saúde. Não haverá necessidade de agendamento.

Leia também  Bolsonaro indica que pode demitir Vélez na segunda

“A decisão de começarmos pelas creches foi por uma preocupação do governador Ibaneis Rocha para que pais e mães possam voltar ao trabalho [presencial] e tenham, o quanto antes, onde deixar as crianças”, informou o secretário da Casa Civil Gustavo Rocha.

A previsão da campanha é atender, nas etapas seguintes, os profissionais de educação de todas as instituições. A determinação do governo é de que a volta às aulas só ocorra depois de aplicadas as duas doses do imunizante.

“A decisão de começarmos pelas creches foi por uma preocupação do governador Ibaneis Rocha para que pais e mães possam voltar ao trabalho e tenham, o quanto antes, onde deixar as crianças”, Gustavo Rocha, secretário da Casa Civil

O DF tem registrado um alcance satisfatório de vacinação contra a covid-19. Até esta segunda-feira (17), 107,7% da população com mais de 80 anos já havia recebido as duas doses. Esse percentual ultrapassa os 100% por ter atendido pessoas vindas de outros estados.

Leia também  ALÔ, ESTUDANTES! | Inscrições para vagas remanescentes na rede pública de ensino começam no dia 18

Dos cidadãos entre 75 e 79 anos, 47,4% receberam a primeira dose da AstraZeneca, que tem intervalo de três meses entre as duas aplicações e ainda não deu prazo para o recebimento da segunda. Já a população na faixa etária de 70 a 74 anos, 104% já receberam a primeira dose e 96,6%, as duas. De 66 a 69 anos, 92,4% a primeira e 58, 8% as duas. Nos últimos dias, aumentou o alcance do público entre 60 e 65 anos que começou a ser vacinado este mês, passando de 54,9% para 69,0% para a primeira dose.

30 a 45 anos

A Secretaria de Saúde já liberou o agendamento para a vacinação dos cidadãos de 30 a 45 anos de idade que apresentem comorbidades. Antes, é preciso se cadastrar no site vacina.saude.df.gov.br – mesmo endereço para escolha do local de vacinação.

Leia também  COMBATE À VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER | "A mulher não é propriedade de ninguém", afirmou o senador Izalci Lucas

Quem não fizer acompanhamento pela rede pública deverá se encaminhar ao local indicado com o comprovante e o laudo médico atestando a enfermidade. “Estima-se que o Distrito Federal tenha 40 mil pessoas nessa faixa etária do grupo prioritário”, informou o secretário de Saúde Osnei Okumoto.

Nesta semana, o GDF aguarda o recebimento pelo Ministério da Saúde de mais 42, 4 mil doses da vacina Coronavac, para segunda dose; 27 mil da Oxford AstraZeneca para a primeira e 7,3 mil da Pfizer, também para a dose 1.

(Agência Brasília)

Foto: Divulgação/Ag. Brasília

expressaobrasiliense

Read Previous

TRAGÉDIA NO RS | Tiroteio em restaurante deixa dois mortos e um ferido em Jaboticaba

Read Next

IMUNIZADOS PARA VENCER | Atletas e paratletas brasilienses que irão representar o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio são vacinados contra Covid-19