• 22 de abril de 2024

ELEIÇÕES NO ENTORNO | Caiado não deve se meter na disputa para prefeito em Valparaíso de Goiás

As movimentações de bastidores e articulações para compor alianças para as eleições municipais deste ano estão ocorrendo a todo vapor no estado de Goiás. Um dos principais cabos eleitorais e atores dessa disputa, o governador Ronaldo Caiado, do União, já está percorrendo os municípios goianos em que ele tem interesse em eleger aliados para as prefeituras com o objetivo de criar um cenário favorável para seu sucessor natural em 2026, o emedebista Daniel Vilela.

Recentemente, Caiado visitou algumas regiões goianas, inclusive o Entorno, para se encontrar com aliados e declarar apoios. Apesar dessa disposição em querer rodar todo o Goiás para alavancar candidaturas de apoiadores, o governador já manifestou para auxiliares que não quer se meter na disputa para prefeito em Valparaíso de Goiás.

Conhecido por ser o portal de entrada da região do Entorno Sul do DF, o município de Valparaíso terá um confronto de dois grupos ‘aliados’ de Ronaldo Caiado: o do atual prefeito, Pábio Mossoró, e o da deputada federal Lêda Borges. Em 2020, o governador goiano foi decisivo na disputa eleitoral da cidade e ajudou a reeleger Mossoró que enfrentou a então deputada estadual Lêda.

O tempo passou e, neste ano, o cenário está bem diferente da eleição anterior. Caiado agora tem Lêda Borges como aliada no Congresso Nacional e o prefeito Pábio como algoz, pois suas atitudes em seu segundo mandato revelaram que o gestor não passa de um embusteiro e ignora quem o ajudou no passado.

Mossoró entrou em rota de choque com alguns integrantes do governo Caiado e o mandatário do Palácio das Esmeraldas não gostou, além de ter uma administração muito criticada e mal avaliada pelos valparaisenses.

Como o prefeito de Valparaíso é filiado ao MDB, partido de Daniel Vilela, e a deputada Lêda Borges o tem ajudado com emendas e outras ações governamentais, Ronaldo Caiado prefere ficar neutro e deixar os dois grupos se enfrentarem.

Quem ganhar, com toda certeza, vai precisar da ajuda do governo estadual para poder administrar a cidade e contará com seu apoio tendo em vista que ele vai usar a sua gestão como vitrine para o seu projeto de concorrer à Presidência da República em 2026.

Em suma, os caiadistas de Valparaíso de Goiás estão liberados para fazer a aliança que quiserem. Diante desse cenário, a tendência é que o grupo da deputada obtenha mais apoios do que o de Mossoró, já que o prefeito está sujo na praça.

Resta agora saber quem será o candidato de cada um dos lados, mas isso é assunto para outro momento. Vamos aguardar.

Foto: Reprodução/Instagram

Acompanhe o Expressão Brasiliense pelas redes sociais.

Dá um like para o #expressaobrasiliense na fanpage do Facebook. 

Siga o #expressaobrasiliense no Instagram.

Inscreva-se na TV Expressão, o nosso canal do YouTube.

Receba as notícias do Expressão Brasiliense pelo Whatsapp.

Expressão Brasiliense

Read Previous

C-MOVE BRASÍLIA | Celina Leão destaca que o DF pode se tornar referência em mobilidade urbana sustentável

Read Next

ATRAÇÃO PRINCIPAL | DJ Alok se apresenta no aniversário de 64 anos de Brasília na Esplanada dos Ministérios