Dr. Charles e Jofran Frejat estarão juntos nas eleições em prol da saúde do DF

Na última quarta-feira (25), alguns profissionais da rede pública de saúde do DF, vibraram ao ficar sabendo que o pré-candidato ao governo do DF, Jofran Frejat (PR) recebeu o Dr. Charles (PHS), pré-candidato a deputado federal, para uma conversa na sede do Partido Republicano. Charles já foi deputado distrital por dois mandatos e ficou de fora na última eleição mesmo obtendo uma votação expressiva, 11.769 votos.

Dr. Charles, ou Dr. Charlin como é chamado carinhosamente, tinha cogitado ficar de fora da política, mas o desejo de resgatar e ajudar a melhorar o sistema de saúde do DF falou mais alto. Ele que foi diretor do Programa Saúde da Família no governo Roriz tem uma história com o setor e agora vai em busca de alçar um voo mais alto, pois a disputa para deputado federal não é fácil, mas o Dr. Charles tem potencial para encarar e quem sabe vencer.

b31712bd-6054-4807-81a9-28812505fd30
Frejat e Gonzaga da Saúde

O anúncio da sua pré-candidatura fez com que líderes da área da saúde começassem a se movimentar e até mesmo desistir da sua própria candidatura. É o caso do Gonzaga da Saúde, que se filiou ao PR visando disputar uma vaga na Câmara dos Deputados. Gonzaga abriu mão do seu projeto e se juntou ao Dr. Charles. “Eu tinha me proposto a sair candidato porque a área da saúde, atualmente, não tem ninguém que nos defenda. Como conheço o trabalho do Dr. Charles decidi abdicar do meu projeto e vou apoiá-lo”, destaca Gonzaga que é servidor da saúde há mais de duas décadas.

O Dr. Charles terá um longo caminho a percorrer, mas se conseguir reunir mais líderes da saúde poderá ter êxito nessa sua jornada.

A verdade é que a Saúde do DF sangra a cada dia que passa. O atual governo inventou o tal do Instituto Hospital de Base do DF que não vem surtindo efeito e a população e os profissionais da saúde sofrendo cada vez mais. Aí fica pergunta: cadê os representantes sindicais desses servidores? E a resposta: fazendo campanha.

Os dirigentes sindicais da área da saúde estão preocupados em conseguir mandatos eletivos ancorados no péssimo desempenho do governo no setor. Em outras palavras, ao invés de ajudar os servidores da saúde estão defendendo seus interesses pessoais. Porém, a resposta lhes será dada nas urnas. É possível, de acordo com fontes da saúde, que nenhum deles se elejam. Os servidores falam aos quatro cantos da rede pública de saúde que esses ditos representantes terão a resposta nas urnas e nas próximas eleições de seus respectivos sindicatos. Pelo visto, vai haver corte na própria carne na área da saúde. Vamos acompanhar.

Da Redação

Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s