Sem força política, governo Temer retira reforma da previdência da pauta e apresenta projetos alternativos

Ano de eleição é mais complicado conseguir aprovar projetos polêmicos em qualquer casa legislativa. Só que parece que esqueceram de avisar ao presidente Michel Temer. Ele e seus aliados apresentaram, na última segunda-feira (19), uma lista com 15 projetos para tramitarem no Congresso Nacional com a desculpa de que pode ser a salvação da pátria.

Acontece que ele não combinou com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM). Nesta terça (20), Maia afirmou à imprensa que a tal nova pauta econômica é um “equívoco”, além de “desrespeito” ao Congresso e um “abuso”.

“A apresentação de ontem [segunda, 19] foi um equívoco, foi desrespeito ao parlamento, já que os projetos já estão aqui e nós vamos pautar aquilo que nós entendermos como relevante, no nosso tempo”, afirmou Maia nesta terça. “Isso é um abuso”, acrescentou Rodrigo Maia.

Pelo visto, já já Michel Temer passará a beber café frio e comer comida requentada no Palácio do Planalto. Quem diria, Temer que antes era considerado um exímio articular vai sair de cena com um trapalhão. Vamos lá, a eleição está mais perto do que longe e ninguém quer se arriscar a perder o poder.

Da Redação com informações dos sites de notícias

Foto: Google Imagens.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s